Notícias | - 10:54 am


Os Jovens e o mundo do crime2 min read

O YPG de Central Falls, apresentou um musical inspirado em uma história verídica e alcançou dezenas de jovens.

Os Jovens e o mundo do crime

“Bem-vindo ao Paraíso de Gângster!”: Essas foram as palavras que deram início ao YPG Concert, onde dezenas de jovens se reuniram para assistir às apresentações realizadas pelo grupo YPG na Igreja Universal da cidade de Central Falls, Rhode Island. Eles contaram uma história através da música, uma história que ressoou em muitos jovens da região.

Embora Central Falls seja a menor cidade do estado de Rhode Island, é também uma das mais violentas, repleta de roubos, assaltos e até assassinatos. O show demonstrou essa realidade por meio de danças e raps, mostrando o estilo de vida oferecido no mundo das gangues.

O primeiro rap foi “Gangsta’s Paradise”, uma música popular de hip-hop que glamouriza a vida de gangue. A partir daí, diferentes músicas foram apresentadas que mostravam a história de um jovem envolvido nessa vida, vivendo o dia a dia com a violência e a mentalidade de “matar ou morrer”.

Conforme a história avança, o “paraíso” começa a desmoronar, e seu melhor amigo é morto por uma gangue rival. Eventualmente ele é levado à realização que deixando essa vida e se entregando a Deus é a única maneira de realmente viver.

A história é baseada na vida real do Pastor Damien Jackson que passou por essas experiências antes de conhecer Deus e mudar sua vida. Crescendo nas ruas de Atlanta, Georgia, Damien só conheceu uma vida de sofrimento. Abandonado por sua mãe e pai, sua família se tornou a gangue e a violência se tornou seu modo de vida.

Tudo desabou quando seu melhor amigo foi morto na frente dele e acabou na prisão como resultado dos crimes que cometeu. Perdido e sem direção, lá na prisão foi onde ele conheceu o trabalho da igreja. Ele decidiu que era hora de mudar e se entregou completamente a Deus. Hoje ele se dedica a salvar outros jovens que vivem no mundo de crime.

“Esses membros da gangue usam a música para influenciar os jovens de hoje, levando-os a acreditar que uma vida de drogas e violência é legal”. Estas foram as palavras do Oficial Gregory Malo, um policial da região que foi convidado a falar aos jovens e suas famílias neste evento. Ele compartilhou suas experiências de como viu jovens perderem a vida por seguir esse caminho.

A maioria saiu do evento impressionado com o que assistiram. Isso serve para mostrar que o evento inspirado por Deus tocou em muitos. A mensagem foi clara: há dois caminhos na vida, um que leva à verdadeira alegria e paz, o outro leva ao sofrimento sem fim.

YPG Facebook

Encontre uma Universal mais perto de você. 


Igreja Universal
  • Redação  


reportar erro