Notícias | - 2:17 pm


“O médico disse que eu poderia ficar em uma cadeira de rodas.”2 min read

“O médico disse que eu poderia ficar em uma cadeira de rodas.”

“Eu tinha uma vida normal e saudável, até que repentinamente descobri um problema de hérnia de disco que gerou muito sofrimento e dores.

A dor me debilitava tanto, ao ponto de não conseguir realizar atividades comuns e simples do dia a dia, fui ao médico ortopedista várias vezes, certa vez ele me disse que não tinha mais o que fazer e que eu teria de conviver e me adaptar com aquelas dores, inclusive que eu poderia ter que ficar em uma cadeira de rodas e viver com esse sofrimento por toda a minha vida”, disse. 

O PODER DA PALAVRA

Todas as pessoas podem receber em algum momento da vida notícias ruins, palavras de derrota e de perda, mas depende de cada um aceitar ou rejeitar estas palavras. Não se voltando contra a pessoa que proferiu, mas rejeitar que essas palavras se façam verdade em sua vida. 

“A morte e a vida estão no poder da língua;”  Provérbios 18:21 

“Quando recebi esse diagnóstico do médico e essas palavras, eu decidi recorrer ao médico dos médicos, parti para a fé crendo na resposta. Comecei a participar das reuniões pela saúde e libertação. Coloquei a minha fé em ação, fiz meus pedidos a Deus e entreguei a minha vida totalmente nas mãos dEle, passou um tempo e eu continuei perseverando até que fiquei totalmente curada. 

Certo dia, entrei mancando na sala do médico e dali, saí andando normalmente. Já fazem 18 anos que isso aconteceu e nunca mais tive nenhum problema de hérnia de disco. 

Hoje eu vivo com saúde e consigo realizar todas as tarefas do meu dia a dia sem dificuldade. Deus me respondeu quando decidi recorrer ao tratamento da fé”, finalizou feliz.

“O médico disse que eu poderia ficar em uma cadeira de rodas.”

Encontre uma Universal mais perto de você.  


Igreja Universal
  • Redação  


reportar erro