Notícias | - 2:33 pm


“Eu não tinha forças para lutar”2 min read

“Eu não tinha forças para lutar”

Gabriela Almeida se envolveu em um relacionamento frustrado onde acabou tendo depressão e não tendo mais forças para lutar, mas tudo isso mudou quando ela conheceu o Senhor Jesus. Conheça a sua história.

Desde muito nova eu tive contato com a fé, meus pais me levavam até à Igreja Universal, mas nunca me firmei. Aos 13 anos eu conheci o pai do meu filho e me envolvi com ele, até o dia que ele foi preso. E aquilo foi o fim para mim, comecei a visitá-lo no presídio, isso ocorreu até meus 18 anos quando eu engravidei.

Um dia fui visitá-lo e ele me agrediu física e verbalmente, então eu decidi dar um basta e me separei dele.

Comecei a viver tudo que o mundo tinha a oferecer em busca de preencher o vazio que sentia, frequentava baladas, bebia, mas o vazio sempre me acompanhava, algo faltava dentro de mim.

Conheci então meu atual esposo, tive dois filhos e tudo parecia bem. Porém, ainda sofria com uma tristeza na alma. Um tempo depois as coisas começaram a dar errado novamente e desta vez com o meu filho mais velho.

Vim morar nos EUA achando que seria uma ótima opção para mudar de vida e que tudo mudaria para melhor, principalmente para as crianças, que teriam novas oportunidades. Mas foi o contrário, meu filho mais velho começou a usar drogas e os problemas com ele passaram a tirar a minha paz, eu não tinha forças para lutar, chorava muito, não via sentido em nada.

Até que eu lembrei -me de Deus, de que Ele poderia me fazer livre. Passei a viver de novo o caminho da fé, porém diferente, eu tinha sede de mudança, eu já estava no fundo do poço, já tinha feito de tudo para me preencher no mundo e dessa vez, fiz de tudo para me preencher de Deus.

Confesso que foi a melhor escolha que eu já fiz, hoje eu sei o que é ter paz e alegria, conheci o verdadeiro amor de Deus que me transformou por inteiro, minha família, meus filhos e hoje eu durmo e acordo sempre com paz de espírito.

Gabriela Almeida

Orlando, FL

Encontre uma Universal mais perto de você. 


Igreja Universal
  • Redação  


reportar erro